Canal do Poder

Home /

Notícias

Orange

Segunda-feira, 2 de novembro de 2015, 14h19min

O Ministério Público de Balneário Camboriú ingressou com ação por improbidade administrativa contra 19 pessoas envolvidas com a construção da Passarela da Barra.

Entre várias coisas foi pedida a indisponibilidade de bens e o afastamento dos agentes públicos.

Os envolvidos terão que devolver aos cofres públicos o que foi roubado do município. Pior é que tem gente que terá que vender uma casa que comprou e Jurerê Internacional em nome de laranja.

Quero assistir de camarote e morrer de dar risada.