Canal do Poder

Home /

Notícias

Vereador coloca prefeito em cheque sobre cobrança de água

Segunda-feira, 25 de julho de 2016, 20h50min

O vereador Leonardo Piruka (PP) protocolou nesta segunda-feira, dia 25, uma indicação cobrando do prefeito municipal uma posição perante a situação do aumento exagerado das contas de água em Balneário Camboriú.

Desde meados de 2014, após uma decisão judicial em 3 processos que discutem os moldes de cobrança da água, a EMASA vem adotando um novo formato que tem deixado condomínios em uma situação calamitosa.

“Alguns prédios tiveram suas contas de água triplicadas, o que tem tornado as contas de alguns condomínios uma verdadeira bagunça”, relata Rafael Weiss, sindico do Ed. Las Vegas ligado ao SECOVI.

A proposta do Vereador Piruka é dar mais 30 dias para a AGESAN (Agência Reguladora das Águas do Estado) fazer o cálculo, que já deveria estar pronto há mais de um ano. E se nada mudar, cobrar do prefeito que faça um novo decreto do preço da água, fundamentado nos estudos apresentados pelo SECOVI.

“Não podemos onerar o munícipe pela incompetência do Estado que não refaz o cálculo do preço da água. A AGESAN não cumpre seu papel e quem deve sangrar no bolso é o povo? ”, aponta Piruka.

Segundo os conceitos da administração pública e da legislação vigente, as empresas ou autarquias de água não podem ter lucro, pois o preço deve ser baseado em um cálculo dos custos de transporte e do tratamento da água. Hoje a EMASA tem lucros altíssimos, o que a torna altamente superavitária.