Canal do Poder

Home /

Notícias

Mapa autoriza 66 embarcações de SC para pesca de tainha com rede de anilha

Terça-feira, 24 de maio de 2016, 13h22min

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), por meio da portaria de número 104, de 20 de maio de 2016, renovou a licença que autoriza a pesca de tainha (Mugil liza) para 66 embarcações de Santa Catarina.

 De acordo com o art. 1º, a pesca pode ser feita com auxílio da rede de emalhe costeiro que utiliza anilhas.

O deputado federal Valdir Colatto (PMDB/SC), em audiência pública, com o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, solicitou a renovação das licenças de pesca para a temporada de 2016.

Segundo Colatto, essas licenças venceram no dia 15 de maio deste ano. “Os pescadores estavam apreensivos, pois mais de mil famílias dependem da pesca.

E sem as licenças, o setor começou a ter prejuízos porque os trabalhadores estavam com as embarcações paradas. O ministro Blairo, em uma semana no cargo, resolveu esse problema”, afirma.   

O deputado catarinense também explicou a importância do uso da rede para a pesca. “A rede anilhada é usada para pegar cardumes inteiros de tainha.

Os pescadores identificam o cardume e vão soltando a rede enquanto o barco percorre um trajeto no formato de um círculo, cercando os peixes. Até 2014, os pescadores só podiam usar a rede de arrasto, que captura quase tudo que está no mar”, concluiu.